Resenha: Extraordinário

Devo começar dizendo que é o primeiro livro da autora, R. J. Palacio,  que leio. É o primeiro e único livro dela que eu vi, na verdade. Acontece que, depois desse livro, com certeza vou ler todos os livros dela. Preparados para o livro que irá mudar a vida de vocês? Então vamos para a resenha:

extraordinário copyTítulo: Extraordinário

Autor: R. J. Palacio

Páginas: 320

Editora: Intrinseca

Ano: 2013

Estrelinhas: Resultado de imagem para 5 estrelinhas

  • Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência um, ele é um menino igual a todos os outros.R. J. Palacio criou uma história edificante, repleta de amor e esperança, em que um grupo de pessoas luta para espalhar compaixão, aceitação e gentileza. Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo o tipo de leitor.

Desde pequeno Auggie vem passando por diversas cirurgias por conta de uma síndrome genética que o acompanha desde o nascimento. A síndrome de Auggie o deixou com uma deformidade facial. Por conta das complicações médicas e o medo do preconceito, seus pais nunca o colocaram na escola.

Mas parece que as coisas irão mudar. Com 10 anos de idade, Auggie está se mostrando um garoto mais forte. Não teve mais recaídas. Com essa melhoria do filho, seus pais decidem coloca-lo na escola. Obviamente não foi algo fácil, afinal, Auggie sabia o quanto as pessoas poderiam se más. Ainda mais crianças da sua idade. Depois de conhecer o direto, Sr. Buzanfa, e alguns colegas que foram legais com ele, Auggie volta para casa. Decidido a não voltar a escola. Por conta de um garoto que não o tratou muito bem.

Depois de muita insistência dos pais, dizendo coisas para incentiva-lo, Auggie resolve frequentar a escola. É aí que começa toda uma jornada de preconceito, inimizade, amizade verdadeira, choro, risada, briga e orgulho.

August Pullman é um garoto comum. Independente de sua deformidade facial. É um garoto que sabe fazer os amigos sorrirem, sabe conversar, é um ótimo amigo e um ótimo aluno.

Este é um livro para refletir sobre a vida, não só a sua. Mas pelas situações em que algumas crianças estão expostas. Auggie fala muito sobre como as pessoas o olham, como ele percebe aquele olhar que durou 1 segundo, um olhar de medo que logo em seguida se transforma em um sorriso forçado.

“Tudo o que é nascido de Deus vence o mundo.” Disse a enfermeira para mãe de August quando ele nasceu.

Espero muito que vocês leiam esse livro, com certeza não irão se arrepender. Muitas lágimas vão rolar, mas vale a pena. Afinal, a história é sensacional.

Beijos
comente

Anúncios

5 comentários sobre “Resenha: Extraordinário

Comentários ♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s